mercredi 25 juillet 2012

Sentir-te aqui agora. Tudo o que mais queria. Deitar a cabeça no teu peito até adormecer no embalo do teu coração. Tudo o que mais queria. Embrulhados em mantas, com o leite em cima na mesa e a tv ligada. Mas sem som. Silêncio total. Só se ouve a respiração meia forçada pelo nariz. Sente-se o bater forte do coração e o calor dos corpos. Sentir que estás aqui comigo agora. Como se fechar os olhos fizesse magia... e quando os abrisse, tivesses aqui. A sorrir. E a passar-me a mão pelo rosto. Como se a magia fosse real. Real no nosso amor. Tudo o que eu mais queria.

25 commentaires:

  1. Adorei. Identifico-me bastante :)

    RépondreSupprimer
  2. ganhaste, desta vez!

    RépondreSupprimer
  3. A quem o "dizes"... (adoro adoro adoro)

    RépondreSupprimer
  4. Gosto imenso de como está o blogue agora, muito clean, muito soft

    RépondreSupprimer
  5. Já não vinha aqui ao cantinho há tannnnnto tempo!

    RépondreSupprimer
  6. sempre tão bonito :D

    RépondreSupprimer
  7. Que lindo. Imaginar estas coisas é tão bom, mas quando abrimos os olhos por vezes caímos :s

    RépondreSupprimer
  8. Vou estando minha linda «3

    RépondreSupprimer
  9. vais ter boas notas vais ver (:
    adoro *-*

    RépondreSupprimer
  10. awwwww, assim fico sem palavras!

    RépondreSupprimer
  11. Temos de manter a cabeça no lugar, é difícil mas é preciso tentar.
    De nada!

    RépondreSupprimer
  12. Não, estou apenas a construir um novo eu e isso demora um pouco (:

    RépondreSupprimer
  13. Oh, obrigada , também adorei o teu post *.* compreendo muito bem o que dizes ! :x

    RépondreSupprimer
  14. E eu estou a adorar ler o livro :D

    RépondreSupprimer
not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow