samedi 31 mars 2012


Sabes bem o que me fizeste. Sabes bem o quanto me magoas-te. E acho bem que nem sequer me dirijas a palavra porque eu não suporto sequer ouvir a tua voz dirigida a outra pessoa. Não suporto estar no mesmo espaço que tu, mas tenho que aguentar. Afinal de contas, esta também é a minha casa e não tenho onde ficar, mesmo que aqui não queira estar. Nem tudo tem perdão, isto nunca terá um perdão, foste um animal. Quer dizer, não, não foste. Os animais não são assim. Os animais são mais meigos e amigos que tu. Os animais são mais mães para as suas crias do que tu foste para mim. Foste um monstro. E eu não falo para monstros. Mantenho-me longe. Hoje morres-te, e não vais voltar a renascer das cinzas. Para mim não vais, porque no meu coração morreste. A cicatriz vai ficar lá. Ninguém a há-de tirar. Era um lugar insubstituível. Agora só deixaste lá mais espaço para quem realmente merece. Sempre gostei imenso de ver uma grande amizade entre mãe e filha. Amizade de melhores amigas. De confidente. Tu nunca foste capaz disso. Nunca foste capaz de nada. Porque para ti só existiu sempre uma filha, mas fui sempre eu levar com as culpas de ser a preferida. Nunca fui. Pelo menos da tua parte. Dói. Dói muito, porque apesar de tudo tens do meu sangue. Mas passa, o tempo tudo leva, e a vida continua. Espero que passes rápido tempo, e deixa-me sair desta angústia.

67 commentaires:

  1. Queres falar, doce?

    RépondreSupprimer
  2. os calções não são meus, mas não deixam de ser lindos! :) muito obrigada coisa linda.

    RépondreSupprimer
  3. muito obrigada pelos parabéns :)
    olha eu não te quero ver mal, fiquei preocupada com o teu post :/

    RépondreSupprimer
  4. tudo ira passar, toda essa raiva, ódio e talvez tristeza ira passar :) força *

    RépondreSupprimer
  5. Espero que toda essa dor largue o teu coraçãozinho. Força querida *

    RépondreSupprimer
  6. Esta bom querida, tem força!

    RépondreSupprimer
  7. Sempre aqui doce, e gostava que soubesses que estou "aqui" sempre que quiseres desabafar! Estarei sempre disponível para ti <3

    RépondreSupprimer
  8. Oh querida, apenas quero a tua felicidade!

    RépondreSupprimer
  9. se precisares.....desejo que alivies o teu coração:)

    RépondreSupprimer
  10. Oh princesa que se passa? Estou aqui para tudo meu amor <3

    RépondreSupprimer
  11. então querida, está tudo bem contigo?

    RépondreSupprimer
  12. Doi mas e tudo o vento levou

    RépondreSupprimer
  13. não precisas de agradecer, querida.
    e tem força, que eu estarei aqui SEMPRE que precisares <3

    RépondreSupprimer
  14. que se passa querida? :s esse texto tem tanta raiva dirigida a uma só pessoa...

    RépondreSupprimer
  15. Mil estrelinhas mais *

    RépondreSupprimer
  16. Diz coração <3
    Adoro o teu tuuuumblr!

    RépondreSupprimer
  17. espero mesmo que sim. força <3

    RépondreSupprimer
  18. sabes, parece um cliché enorme, mas o tempo acaba por curar tudo... acabamos sempre por sobreviver e a dor acaba sempre por se atenuar... pode nunca desaparecer, por alguma razão existe sempre uma cicatriz depois de uma ferida aberta, podemos nunca perdoar, mas por alguma razão é. à minha maneira, percebo tanto ódio e tanta pena por esse mesmo ódio a existir por uma pessoa do mesmo sangue... mas precisas de ter força. palavras não passam de palavras, são as acções que nos fazem à vida. achei o texto muito sentido, parabéns. não é fácil passar tanto sentimento para letras. espero que os próximos tempos corram bem. desejo-te a maior força do Mundo, mesmo sem te conhecer. beijinho :) *

    RépondreSupprimer
  19. Estive a meios de fazer amor com ele

    RépondreSupprimer
  20. HAHAHAHAHAHAHA, não era nada disso que queria dizer.

    RépondreSupprimer
  21. que se passa amora ? :c

    RépondreSupprimer
  22. Sofia o meu mês foi difícil assim por coisas destas. Não existe sangue que apague certas lágrimas. Sê forte!

    RépondreSupprimer
  23. sigo , segues de volta? :)
    gostei do blog *

    RépondreSupprimer
  24. Que se passou querida?

    RépondreSupprimer
  25. Queria dizer que o amava :o
    Oh, linda linda és tu <3

    RépondreSupprimer
  26. Não! :c mesmo assim o que eu quero mesmooooo é o teu cabelo <3

    RépondreSupprimer
  27. my god, crimeeeeeeeeeeeeeeeee! ficou por onde?

    RépondreSupprimer
  28. Tira uma foto para eu veeeer coração :c

    RépondreSupprimer
  29. Tenho-te a dizer que escreves mesmo bem princesa *

    RépondreSupprimer
  30. Esta bem princesa :c vai ao site "http://tinypic.com/" carrega la a fotografia, cola num comentário e depois eu vejo :c

    RépondreSupprimer
  31. Primeiro és linda, és mesmo graciosamente linda e segundo, tambeeeeeeeeeeeeeeeem quero :(

    RépondreSupprimer
  32. o teu cabelooooooooooo :c és mesmo amor!

    RépondreSupprimer
  33. Quem me dera a mim!

    RépondreSupprimer
  34. Não sou! Adoro a tua foto no bloooog! <3

    RépondreSupprimer
  35. Que bom para nós que lê-mos estas coisas lindas *-*

    RépondreSupprimer
  36. não sei porquê, mas o teu blog é um dos que mais gosto de escrita!

    RépondreSupprimer
  37. OH princesa, o que se passa? :s

    RépondreSupprimer
  38. tal como tu, obrigada :)

    RépondreSupprimer
  39. Adoro o texto de baixo amor e parabéns a vocês.
    Quanto à tua mãe, bem, percebo-te, mas sê paciente. Por vezes elas magoam-nos muito, e não pensam no que nos dizem, mas acima de tudo são nossas mães e um dia acho que vamos entender o que elas fazem, porque um dia vamos querer proteger os nossos filhos e não sabemos se os vamos tratar igual, melhor ou pior do que elas nos tratam. A verdade é que não deve ser fácil lidar com adolescentes, com pessoas que têm humor instável e elas às vezes também têm dias difíceis. Sê paciente amor :) e já agora, obrigada <3

    RépondreSupprimer
  40. adorei o texto!
    estou a seguir :)

    RépondreSupprimer
    Réponses
    1. Obrigada Patricia Laranjeira, não consigo comentar no teu blog :s

      Supprimer
  41. Oh adorei o texto, mas parece-me que não andas bem. Queres falar?

    RépondreSupprimer
  42. cansada disto, só isso.. a tua ask não funciona, assim não posso falar contigo quando quiser baby doll :(

    RépondreSupprimer
  43. sei, tens que ativar.
    vai a blog settings e clica em "Let people ask questions". Depois podes escolher a opção de permitir anónimos ou não :)

    RépondreSupprimer
  44. recebes porque os mereces (:

    RépondreSupprimer
  45. claro que preocupo, oh :(

    RépondreSupprimer
  46. quero muito que fiques bem :s

    RépondreSupprimer
  47. hoje nao estive aqui xD eu mudo amanha :b

    RépondreSupprimer
  48. ahah estás a dizer que estou viciada no blog? xD ahah

    RépondreSupprimer
not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow