vendredi 6 janvier 2012

The love never die




Oh meu amor, estou doente. Estou doente de saudades tuas. Pensava que já tinha conseguido controlar este maldito sentimento, estas malditas saudades que me destroem por dentro. Tenho a alma cheia, serena, descansada mas aquele vazio de ti, está sempre lá. Aquele espaço que só é preenchido quando estás ao meu lado, está vazio, está fundo, e está a destruir-me. Volta para mim, que preciso tanto de ti.


Sempre tua, S. 

46 commentaires:

  1. eu sei bem o que sentes :|

    RépondreSupprimer
  2. Obrigada! Tanta saudade por aqui..

    RépondreSupprimer
  3. obrigada :)
    força querida *

    RépondreSupprimer
  4. Anonyme6/1/12

    oh :c isso é sempre :o

    RépondreSupprimer
  5. Anonyme6/1/12

    a sério querida?

    RépondreSupprimer
  6. obrigado querida!
    é sempre tão complicado controlar as saudades :s

    RépondreSupprimer
  7. Anonyme6/1/12

    oh pronto!
    também estou doente de saudades :(

    RépondreSupprimer
  8. Oh, que post mais fofinho, está muito bem escrito ! :O
    Odeio saudades :c Força querida !

    RépondreSupprimer
  9. Entretanto, como está então a Tigrinha?

    RépondreSupprimer
  10. Oh, de nada! É pena, espero realmente que ela melhore e que corra tudo bem, querida :)

    RépondreSupprimer
  11. Anonyme6/1/12

    oh obrigada fofinha!
    aw, junto mesmo!!! mas o teu amor não anda na mesma escola que tu? :3

    RépondreSupprimer
  12. pois dá para perceber :P

    RépondreSupprimer
  13. Espero que tenhas razão doce Sofia <3

    RépondreSupprimer
  14. e tu és sempre tão fofinha ♥

    RépondreSupprimer
  15. que és muito teimosa :)

    RépondreSupprimer
  16. Anonyme6/1/12

    olha, o mesmo aqui. desde terça, dia que a escola começou, só o vi hoje :c somos loucas por eles, estou a ver aha

    RépondreSupprimer
  17. es sempre tao doce *

    RépondreSupprimer
  18. Anonyme6/1/12

    oh mas é normal. quando mais estamos com eles, mais queremos estar :)

    RépondreSupprimer
  19. Anonyme6/1/12

    mas é muito bom! é um vício saudável por isso! :)

    RépondreSupprimer
  20. oh sou nada, mas obrigada querida. :)

    RépondreSupprimer
  21. Fala-me de ti querida

    RépondreSupprimer
  22. Anonyme6/1/12

    mesmo a sério, sofia :p

    RépondreSupprimer
  23. Não consigo comentar o post a seguir :s N aparece sitio nenhum onde possa clicar para comentar

    Mas o que tenho a dizer sobre o mesmo é...: MEDOOOOO!
    (tenho um terrivel medo de gatos :x)

    RépondreSupprimer
  24. Anonyme6/1/12

    que fofinha.

    RépondreSupprimer
  25. daqui a nada estás ao pé dele! :)

    RépondreSupprimer
  26. eu gosto de pensar que tenho do meu lado o meu baby, mesmo quando ele não está. que se visse o que eu visse, como iria reagir e coisas assim.. aquece-se o coração, porque sei que quando lhe contar, aquilo que ele reagiu já viveu comigo. não sei se ajuda ou percebeste, mas e o meu truque para combater as malditas saudades :)

    RépondreSupprimer
  27. Anonyme6/1/12

    juro que me rendi, está mesmo amoroso :)

    RépondreSupprimer
  28. Anonyme6/1/12

    não agradeças :)

    RépondreSupprimer
  29. ah!
    porque eles sao muito desconfiados e imprevisiveis :x

    RépondreSupprimer
  30. eu bem sei o que isso é :/

    RépondreSupprimer
  31. 'estar doente de saudades de alguém' como dizes no texto..

    RépondreSupprimer

not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow