samedi 21 janvier 2012

The love hurts


Tenho saudades tuas, sabes? Tenho mesmo muitas saudades tuas. Tenho saudades de simplesmente sentir o teu toque, simplesmente de um abraço ou de um beijo teu, na minha testa. Sinto a falta de entrelaçar as minhas mãos nas tuas, de por os meus pés em cima dos teus, de tentar alcançar os teus lábios, e deixar que eles se cruzem, no meio de um turbilhão de  sentimentos. Tenho saudades de ir observar a nossa estrela. sabes? não o tenho feito. Tenho saudades que a própria lua, por cima das nossas cabeças, nos una. Saudades dos olhares fortes e profundos que mantemos um com o outro, daqueles momentos em que as palavras não são precisas, porque a cumplicidade, diz-nos tudo. Saudades de te ver sorrir, simplesmente a sorrir com aquele brilho especial nos olhos enquanto me avistas ao longe. Tenho saudades de te sentir em mim, mas de qualquer da forma, estarás para sempre tatuado, num lugar que é só teu, assim foi, e assim será. Amo-te, amo-te demasiado, talvez.

53 commentaires:

  1. de nada, coração (:
    gostei muito do texto, sê forte <3

    RépondreSupprimer
  2. como estão as coisas querida? <3

    RépondreSupprimer
  3. Não deixes que a vossa relação acabe assim. Os ciumes podem prejudicar muito as coisas é verdade. Mas se eles existem é porque se gosta demasiado da pessoa. O orgulho também é demasiado por vezes, mas temos de o saber engolir quando queremos alguém perto de nós. Força princesa *

    RépondreSupprimer
  4. Não deixes que a vossa relação acabe assim. Os ciumes podem prejudicar muito as coisas é verdade. Mas se eles existem é porque se gosta demasiado da pessoa. O orgulho também é demasiado por vezes, mas temos de o saber engolir quando queremos alguém perto de nós. Força princesa *

    RépondreSupprimer
  5. Está lindo Sofia <3
    Força ! <3

    RépondreSupprimer
  6. e mesmo as pessoas... acho que o blog está.se a tornar numa coisa banal.... :S tenho pena.

    RépondreSupprimer
  7. obrigada amor! adorei, que lindo :)

    RépondreSupprimer
  8. a forma como tu descrevias o vosso amor, era tão lindo. um amor desses não pode acabar assim fofinha <3

    RépondreSupprimer
  9. a saudade não mata mas devora!

    RépondreSupprimer
  10. Tudo ficará bem amor <3

    RépondreSupprimer
  11. Então não conheço mesmo x)

    RépondreSupprimer
  12. é irritante porque penso que estou a seguir as pessoas e não estou, aiii

    RépondreSupprimer
  13. Mas porque acabou amor? Oh, tem força sim? Muita, estou aqui <3

    RépondreSupprimer
  14. passo-me, rrrrrrrrg

    RépondreSupprimer
  15. não te preocupes, ihihi

    RépondreSupprimer
  16. eu espero que tudo volte amor<3

    RépondreSupprimer
  17. oh , meu doce, está lindo. Mas não te quero assim. quero voltar a ler as palavras cheias de alegria que preenchiam o teu blog. Quero sentir que tu estás feliz. quero... simplesmente que a tua dor desapareça . pode ser ?

    RépondreSupprimer
  18. oh meu doce, não estás a aceitar, mas devias, porque a frase é tão verdadeira :S

    RépondreSupprimer
  19. fico feliz, muito <3

    RépondreSupprimer
  20. oh, não tens que agradecer minha princesa, só te quero bem :) <3

    RépondreSupprimer
  21. e iremos ficar as duas :) <3

    RépondreSupprimer
  22. oh, espero mesmo bem que sim meu amor <3

    RépondreSupprimer
  23. estou a contar com isso. que elas voltem rápido, para eu as poder ler. O teu cantinho serve-me de reconforto *-*

    RépondreSupprimer
  24. estou aqui para tudo amor <3

    RépondreSupprimer
  25. obrigada querida, eu já te seguia :)

    RépondreSupprimer
  26. não tens que agradecer de forma alguma princesa :3

    RépondreSupprimer
  27. as saudades. podem ser muito boas, mas também muuuuito dolorosas

    RépondreSupprimer
  28. tem muita força!
    e obrigada, sim? :')

    RépondreSupprimer
  29. Muito obrigada, adorei o blog e vou seguir :)

    RépondreSupprimer

not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow