lundi 1 août 2011

O quanto eu te amo? dantes achava, mas agora tenho a certeza que não dá mesmo para explicar de forma alguma, por mais coisas que pudesse dizer, não chegava, não mesmo, nem para um bocadinho. Agora eu sei que é duma imensidão tamanha que de certa forma nem sei, é um bocado contraditório, mas é difícil de explicar, é impossível. Deixar-te? Não esteve, não está, nem nunca estará nos meus planos. Os planos para a minha vida são todos ao nosso lado. Não existe um que trace que não nos inclua. Perder-nos? Podemos até nem ser perfeitos e errar muito com nós, mas vamos fazer sempre de tudo, para que isso nunca aconteça, porque sem ti sou uma árvore nua ou até mesmo um peixe fora de água, e isso é muito pouco. Neste momento tamos muito ansiosos para ver como seria a nossa filha "Solange "  ou o nosso filho que ainda não tem nome, eles devem sair tão lindos e tão perfeitinhos, que curiosidades, e a imensa vontade de passar tudo isto à frente, e ficar na parte em que temos a nossa casinha, e finalmente estamos estáveis prontos a construir a nossa família linda. queremos passar automaticamente para o dia do nosso casamento.






Tão a ver que em todos os homens que existem no mundo só há um perfeito? é o meu, e eu sou a mais sortuda por o ter, porque homens assim não existem. és sem dúvida o único homem decente, o único homem perfeito no mundo e disso? não há dúvidas nenhumas.
"      Filipe         diz:
*Amo-te tanto! Se me deixas, podes dizer "Adeus Filipe", porque é tanto, que se deixarmos de ser 1... Não aguentamos. Choramos baba, ranho e sangue. Queremo-nos tanto, para sempre mesmo, sempre que pensamos no futuro pensamos em nós 1, juntos, na nossa casinha a fazer coisas como uma familia normal. Cozinhar, ver tv, dormir... Mas juntos, como mais nenhuma familia alguma vez conseguirá.
*Não nos conseguimos imaginar com outra gaja, nem queremos, porque só temos olhinhos para o nosso bebézinho e nunca, mas mesmo nunca irei querer outro, em caso algum. Desejo-te e amo-te tanto que só de olhar para ti me apetece trincar o lábio, o Sebastião cresce e os meus bracinhos choram pelos teus abraços. Tenho tantas saudades tuas... 
*1 foribir mor! Nunca tenhamos medo de nos perder! AMAMO-NOS TANTO!!!!! S1"
Por favor, para onde fores, leva-me contigo. Eu amo-te para sempre, tanto que não se explica, nunca duvidemos disso totis!





14 commentaires:

  1. eu nao percebo nada daquilo xD

    RépondreSupprimer
  2. Juro que amo este post! Este sentimento é sem duvida das coisas mais belas do mundo.
    E linda és tu! <3

    RépondreSupprimer
  3. oh vocês são tão fofinhos! felicidades!

    RépondreSupprimer
  4. não tens que agradecer, vê-se que gostam mesmo um do outro!! :]
    e obrigada eu.

    RépondreSupprimer
  5. Não tens nada que agradecer amor **
    linda és tu e obrigada eu <3

    RépondreSupprimer
  6. cala-te e não discordes :c

    RépondreSupprimer
  7. mesmo! é super fofinha amor :)

    RépondreSupprimer
  8. MUITAS FELICIDADES *.*
    oh és uma querida!

    RépondreSupprimer
  9. fogo que sorte :o quem me dera!

    RépondreSupprimer
  10. nunca tens razão :c

    RépondreSupprimer
  11. Ohn, obrigada linda!
    Este post está tão fofinho querida c:
    Vou seguir.

    RépondreSupprimer
  12. oh sim claro, tu percebeste :)

    RépondreSupprimer
  13. eu não sou má :o e não tens xD

    RépondreSupprimer

not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow