dimanche 19 décembre 2010


voltei a perceber, que por muito que queiramos estar bem e ser felizes, por muito que tentemos esticar o elástico da mudança ao máximo e fazê-lo bem, haverá sempre alguém que nos irá corta-lo e lançar-nos de volta à posição inicial e que por vezes, é melhor desistir, para tentarmos viver com um mínimo de paz.
 

Aucun commentaire:

Enregistrer un commentaire

not even for a second would I lie to myself. too many things are missing and there's a tear in my eye. it's not a question or an answer, but it will change your mind. we'll be the same tomorrow, we're dancin' as we borrow and sing a song for sorrow